sexta-feira, janeiro 27, 2012

Macau na senda europeia



Macau na senda europeia
MESTRADO EM TRADUÇÃO PORTUGUÊS/CHINÊS APALAVRADO COM A UE

«MACAU quer criar um curso de mestrado de Técnicas de Tradução Português/Chinês em parceria com a União Europeia. Esta foi uma das decisões que saiu do último dia em que a representação de Macau esteve em Bruxelas. A notícia foi avançada por Florinda Chan, a acompanhar Chui Sai On na capital europeia. A colaboração entre Macau e a UE foi também elogiada pela secretária para a Administração e Justiça. “Tem sido um sucesso.” As várias áreas e rogramas de cooperação entre a UE e o território, diz, ficam a dever-se à “amizade” com Portugal e à presença do país as instituições europeias. Depois, também forte vontade de colaboração com Macau e a China. Salientando que o projecto de mestrado está ainda numa fase preliminar e que foram pedidas mais informações sobre o programa que arrancou recentemente em Maputo numa colaboração com Moçambique, Florinda Chan vincou a vontade política da Administração de “proporcionar todas as ferramentas possíveis aos seus cidadãos, para que estes possuam toda a capacidade de desempenhar um excelente trabalho de tradução”. No caso de Macau, e comparativamente a programas feitos com outros países como Moçambique, Florinda Chan ressalva as diferenças,porque para os tradutores de Macau a importância é entre o Português e o Chinês, e não entre duas línguas mais próximas como o Português/Inglês ou Português/Francês. “Daremos sempre preferência à qualidade. Por isso mesmo, desde 2006, quando se iniciaram os primeiros cursos complementares de técnicas de tradução com a União Europeia, nunca conseguimos preencher todas as vagas, porque exigimos sempre um grande rigor na avaliação das capacidades dos candidatos.” Desde o início do primeiro curso complementar foram formados 38 técnicos, dos quais apenas nove não tinham um curso superior de Tradução. Mas todos possuem licenciaturas
(Fonte de informação: "hojemacau" de 13.01.2012)

*************************

Enquanto vergonhosa e irresponsavelmente se endividava o país e se encerravam maternidades, serviços de assistência médica, hospitais e serviços de urgência, e simultâneamente se deteriorava o ensino, cultivando o facilitismo, se retiravam apoios ao ensino da língua portuguesa no estrangeiro, se encerravam Consulados e Bibliotecas, para desviar recursos que, de forma fraudulenta, 'engordavam'  os bolsos de políticos parasitas e desonestos, sem moral e sem escrúpulos e os seus oportunistas apoiantes e compadres,  pelo mundo além multiplicavam-se, como continuam a multiplicar-se, esforços para honrar e manter acesa a chama da portugalidade.
.
M A C A U
.
Saudade! A palavra que define
Aquilo que te vai no coração.
Na hora da partida, a emoção
Tornou-te, quando a alma mais se oprime,
O tempo do passado em tradição.
.
No dia em que se fez a transferência,
Ocultos os receios do futuro,
Mostraste ter, co' a paz de consciência,
Esp'rança de que seria seguro.
.
Disseste adeus às Quinas da Bandeira
Em festa de amizade verdadeira. 
.
Deus queira que futuro te sorria
E seja de progresso e f'licidade,
Unido à grande China, que algum dia
Será, também, nação de liberdade.
.
Mas não digas, jamais, que são distantes,
Agora que as distâncias são tão perto,
Cruzadas por caminhos já abertos,
Aqueles que a partilha, vinda de antes,
Uniu, numa visão do que está certo.
.
Vítor Cintra
Adaptado do livro: DIVAGANDO

0 Comentários::

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home