quinta-feira, abril 02, 2009

Dia Mundial da Consciencialização do AUTISMO

AUTISMO o que é?

"É hoje geralmente aceite que as perturbações incluídas no espectro do autismo, Perturbações Globais do Desenvolvimento nos sistemas de classificação correntes internacionais, são perturbações neuropsiquiátricas que apresentam uma grande variedade de expressões clínicas e resultam de disfunções do desenvolvimento do sistema nervoso central multifactoriais "
(Descrição do Autismo, Autism-Europe, 2000).
.
Despertar consciências para uma causa tão importante, é o objectivo da evocação que hoje se faz. Uma visita ao nosso amigo Mário Relvas será, de certo, muito mais elucidativa do que qualquer explicação minha.
.
R U M O S
.
Ditos que doem,
Vozes que moem,
Ais que destroiem,
Sensos errados.
Vidas vazias,
Águas bravias,
Notas esguias,
Dizem-se fados.
.
Pedras que rolam,
Ecos que isolam,
Ventos que assolam
Prumos e lados;
Mentes que brilham,
Mãos que dedilham,
Pés que andarilham
Rumos traçados.
.
Vítor Cintra
No livro: CONTRASTES

7 Comentários::

At 2/4/09 1:49 da manhã, Blogger Odele Souza said...

Quanto ainda falta descobrir sobre o funcionamento do cérebro. Tão enigmático, tão surpreeendente, tão fantástico.O autismo e um desses enigmas a desafiar os avanços da medicina neurológica. Vou fazer uma visita ao Mário.

Lindo o poema Vítor.

Um abraço.

 
At 2/4/09 10:49 da manhã, Blogger Teresa Durães said...

O autismo é um pouco aflitivo, pelo menos para mim. Mas conheci dois autistas que eram revisores de textos (de imagem digitalizada para texto) e eram excepcionais no que faziam. Mas quando terminavam um trabalho, era necessário guardá-lo noutro lado senão apagavam e recomecavam tudo de novo

 
At 2/4/09 9:24 da tarde, Blogger Mário Relvas said...

Caro Vitor,

cheguei à pouco de Lisboa e passo a agradecer a tua postagem e o teu belo poema.

O autismo é amor!

Abraço

 
At 2/4/09 11:05 da tarde, Blogger Menina do Rio said...

Um assunto importantissimo, Vitor!

Quanto ao poema, vamos-nos tentando dar rumo aos nossos movimentos
nas pedras que rolam,
nos ecos que assolam,
nas mentes que brilham,
enfim...

Te deixo um beijo

 
At 4/4/09 1:37 da tarde, Blogger Izinha said...

O assunto é muito importante e parabéns por divulgá-lo.

bjos e ótimo fds!

 
At 5/4/09 9:00 da tarde, Blogger Ana Martins said...

Caro poeta e amigo Vítor,
Parabéns pela forma como assinalou o dia do autista.

Beijinhos,
Ana Martins

 
At 24/7/09 1:13 da manhã, Anonymous liberdade said...

adorei
senti o meu filho no seu poema
Obrigada

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home